terça-feira, novembro 29, 2016

4 Fotografias 1 Olhar - Paolo Roversi





Paolo Roversi

O Dom


Já te disse que não consigo escrever. A verdade é esta. Só copiando.
Farta de te dizer e tu não acreditas. Já percebeste que somos dois, eu e tu.
As conversas que mantemos são só nossas.
Não existe qualquer dúvida que és tu.
Ainda duvidas?
És mesmo um estúpido do caraças se duvidas.
não posso com o número 13.
São anomalias do destino.

Aqui a escrever são duas, eu e ela.
Duas Kodak Khrome
e kodak khrome.

São burros!!!

sábado, novembro 26, 2016

segunda-feira, novembro 21, 2016



Pina Bausch. Foto William Yang, 1982
Considerar todas as coisas que nos sucedem como acidentes ou episódios de um romance, a que assistimos não com a atenção senão com a vida - só com esta atitude poderemos vencer a malícia dos dias e os caprichos dos sucessos.

in Livro do Desassossego,
Bernardo Soares, Obras de Fernando Pessoa

sexta-feira, novembro 18, 2016

Eeke Boonstra



Vida é o teu estado em Purgatório
Apenas ainda não deste por isso.
A tua mente está programada para
ignorar esse facto.

(Tristan Reveur)


Dark Ophelie de Sophie Touvenin
Move os lábios como para acrescentar o silêncio.
Os lábios, em silêncio na sala; a um canto da sala.
Com um copo se possível amarfanhado nas mãos,
olha-os. Tem de se mover entre eles na mesma sala: é
um dever. Mas parece-lhe antes ser a sala que se move
debaixo dos seus pés; pelo menos é essa a sensação.
É ela imóvel a deixar-se deslizar assim, apenas com
um medo terrível de cair. Porém, pode tranquilizar
-se: está tudo em ordem. Sorri. Um pobre sorriso
usado em que ninguém acredita.

Maria Teresa Horta, in
Ambas as Mãos sobre o Corpo
 edições D.Quixote Fevereiro 2014

quinta-feira, novembro 17, 2016

Os meus olhos estavam dispostos a conhecer-te...

Michael Parkes
Os meus olhos estavam dispostos 
a conhecer-te, e o meu coração
A amar-te. Fui teu imediatamente
Por inteiro, para sempre, teu
Honradamente, com pura intenção,
Com excessivo amor e alegre cuidado:
Assim fui, assim sou, assim serei.
Conheci a tua generosidade, a tua verdade, conheci-te
E aos piedosos companheiros: ouvi-te falar
Com adequadas palpitações. Sobre a corrente,
Profunda, rápida e clara, os lírios flutuavam; os peixes
Corriam através das sombras. Aí, tu e eu
Líamos a Bondade nos nossos olhos e assim nos unimos.

Robert Louis Stevenson
in Poemas
(tradução de José Agostinho Baptista)

segunda-feira, novembro 14, 2016

Da Génese

 Dante Gabriel Rossetti Joan of Arc

Sou divina por dentro e por fora, e santifico tudo o
que toco ou venha a tocar"

walt whitman, leaves of grass

domingo, novembro 13, 2016

Post de Domingo - Do Vinil









Juntos fazemos o culto ao vinil. Somos de todas as idades,  de várias nacionalidades, cores e credos.
Temos por costume juntarmo-nos em tertúlias semanais e uma vez por mês discutimos um livro, previamente selecionado como o livro do mês.

Curtimos o vinil: Scott Walker, somos todos fans.

Quem nos conhece, conhece. Quem não conhece, paciência. 
Não falamos na vida dos outros. 
Falamos de música, bailado, artes em geral, política, ópera,
 e outros assuntos de interesse.
A maior parte não vê televisão.
Somos assim, os nossos.


quarta-feira, novembro 09, 2016

Time passes by Bye





Os dedos cortados pela folha
fina, página com imp. dentro
de um círculo e três exclamações
ao lado, mais abaixo um poema
emotivo que nunca chegou a viver.
Olhando o céu: o dia escurece, finges
que deixas o livro esquecido no parque
e avanças para o corpo do ódio
Helder Moura Pereira

sexta-feira, novembro 04, 2016

Este post é dedicado à Laïsse e à Jessica





Conhecia-as hoje e elas a mim.
Um encontro casual, muito prazenteiro.
Simpatizamos à primeira. Une-nos uma pessoa: Leo, mais conhecido por Leonardo DiCaprio.
Ai! Leonardo DiCaprio diziam elas e eu, por amor de deus, é um homem igual aos outros!!!
Foi muito engraçado o nosso encontro. Dei-lhes o endereço do blog. Espero que venham aqui.

Então é Assim, Laïsse e Jessica:

Nome Completo: Leonardo Wilhelm Di Caprio
DE 11 de Novembro !974
signo: Escorpião

Frase dele: "Eu próprio ainda não tenho a certeza de quem sou. Parece que mudo todos os dias"

A gente não se importa, a gente também muda muito.- Isto são elas, you know ;)

Frase dele:"Sempre fui rebelde. Faz-me muita impressão as pessoas reconhecerem-me na rua"

Por isso usa o boné

Frase dele: "Os meus pais são parte da minha vida"

Ai que lindo

Ele; Os meus pais estavam separados, foram excepcionais nunca me fizeram sentir que eramos pobres. Nunca  me faltou nada. Deram-me cultura. Sei muito sobre pintura, actualmente ando numa cruzada de Salvar o Mundo. Os tipos, you know, não compreendem, you know. Nem os governos, nem vocês. Isto tem de parar ou o sonho de ter filhos é como fairytales, you know. Quem tem dois dedos de testa não aposta em descendência. Eu gostava de ter filhos, mas assim...????Os meus pais levaram-me a museus. Mostraram-me a arte. Obrigaram-me a ler livros. Ver filmes, you know, eu sou fã dos grandes mestres, Scorsese...ah! Drive sim, sim. Nice movie, you know. Também gosto muito. Sim, you know, aquele retrato do anti heroi, feito pelo Gosling. Gostei muito. Sou hiperativo, tal como a filha da Laîsse. Tenho tiques nas mãos e quando estou em stress o meu ombro esquerdo tem tendência, you know, a subir e descer sozinho. Já me aconteceu, you know, enquanto nos Oscares.

A minha filha quando se refere ao Leo, diz: o teu menino.
Mãe, o teu menino ganhou o Oscar
Mãe, liga a televisão na 1 tá um filme sobre o Planeta, do "teu menino". Já sabes como ele é. Foi a todas! É um Senhor!
Eu repito, è um Senhor!

Espero reencontrar a Laïsse e a Jessica, em breve.
Deixo aqui uma vídeo, dum filme que a Laïsse gosta muito.
Beijos, Meninas(34 e 26 anos)

quinta-feira, novembro 03, 2016

From the bottom of my heart, I don't give a fuck


Quando as pessoas deixam de me interessar ou me incomodam por este ou aquele motivo, homens, amigos, mulheres pessoas, corto com elas. Nunca discuto a razão de certos comportamentos. Faço o meu juízo final e pena mas não posso fazer nada. Tenho o condão de no dia seguinte já não me lembrar delas. Por vezes, deixo de contactar. Ao notarem a minha falta e fazem um reparo, é hábito responder-lhes;- Paciência. 
O facto é este, para mim morreste-me! E assim é!


quarta-feira, novembro 02, 2016

Epitáfio de Mim

Bernd streiter, 1989
Ainda
Sentada olha-me como se fosse eu
Morta de cansaço pergunto sou eu
Dentro de mim fala como eu fosse
A voz afaga o fogo que me consome
São  palavras que me afastam sem dizer
Dentro dela sou mais eu sou mais ela
Avisto a sombra nas paredes brancas
Vejo ao longe a silhueta da mulher
Dentro dela é mais ela sou mais eu
Morta de cansaço pergunto se sou eu
Na sua voz há um vento que me afaga
Sentido contraditório de afagos e mágoas
O dizer de sermos ainda sombras
Ainda sombras de mim mais ela
Ainda.

terça-feira, novembro 01, 2016